"Os dois dias mais importantes da sua vida são: o dia que você nasceu e o dia que você descobre o porquê” - Mark Twain
Será?
Nós nunca saberemos o real motivo pelo qual nascemos. A busca pelo propósito é uma busca por dar mais significado à nossa vida. E nesse processo, vamos ampliando a consciência sobre as demandas do mundo e compreendendo como podemos direcionar as nossas habilidades e crenças para gerar valor para a sociedade, dando mais sentido e utilidade ao que fazemos.
Isso não significa que você precisa chegar a uma resposta definitiva. A busca por um propósito deve ser leve, apesar de profunda. Ou o que deveria ser algo positivo acabará sendo um gatilho para a ansiedade e baixa autoestima. E o propósito, se tornando mais um produto que “temos que ter” de um sistema que segue criando desejos de consumo disfarçados de necessidade.
Propósito não é algo que descobrimos num piscar de olhos numa palestra ou num curso. E, quer saber? Ele pode ir mudando ao longo da vida ou até existir mais de um. Então, não se cobre tanto nem se limite e muito menos se compare. Cada pessoa tem o seu tempo, a sua história e nada é permanente. Muitas pessoas nem mesmo terão a oportunidade de pensar sobre isso.
Quem afirma ter um propósito hoje pode encontrar um novo amanhã. Quem acredita não ter nenhum, também. Estamos em constante evolução e a nossa percepção é sempre pautada pela forma atual da nossa consciência. E isso é apenas uma parte do que sabemos sobre nós e sobre o que acreditamos que o mundo precisa.
Apenas continue buscando se conhecer mais a cada dia - esse é o objetivo, o resto é consequência. Pense nas causas que te tocam, no estilo de vida que te cativa, nos valores que você cultiva, na satisfação que sente ao realizar uma tarefa e como você pode gerar ações conectadas a essa visão de mundo para impactar positivamente ao seu redor. Enquanto isso...
Faça tudo por um bem maior e tudo que você fizer terá propósito.

You may also like

Back to Top